Abaixo o Alpartheid do Orkut

Cópia (2) de novo orkut0Dessa vez vou ser bem categórico: Estou aborrecidíssimo com essa segregação promovida pelo Orkut!

Em um país que escanteia os pobres, exclui os poucos instruídos e em outrora afastava os de etnia diferente da dominante, agora se ver de cara com um novo tipo de divisão. Os que têm e os que não possuem o Novo Orkut.

Talvez eu tivesse algo mais contundente pra escrever hoje, mas é que isso está me incomodando pertinentemente.

Vejamos como surgiu essa problemática. O Orkut é hoje o site mais popular do Brasil, mesmo sendo criado por um gringo, o qual os brasileiros são a parcela participante mais significativa do mundo.

No principio, quando ainda éramos poucos na rede, muitos mentiam sua nacionalidade para serem aceitos em comunidades e poder ingressar nas redes dos “amigos”. Quando invadimos e dominamos o espaço cibernético do site, o mundo passou a nos aceitar e até versão em nossa língua criaram.

O fato é que agora, depois dessa democratização avassaladora, onde todo mundo possui um perfil no Orkut, de empresário executivo a pets, o site resolve inovar, criar uma nova versão.

Algumas pessoas tornaram-se cobaias dessa aventura. Outras ficam só na expectativa, ouvindo comentários de todas as partes. A falta de familiaridade com a versão está deixando muitos de cabelo em pé e saraivadas já podem ser escutadas também.

Essa segregação é temporária e embora saibamos disso, poucos são os que não corroem os dedos e as unhas de aflição enquanto aguardam ser escolhidos.

O convite para a nova versão do site virou objeto de desejo e passou a ser comercializado.

Já encontrei em vários portais o convite do novo Orkut sendo vendido, trocado e topando qualquer negócio. Assemelhasse a venda de falsas relíquias religiosas, promovida pela Igreja na história antiga. Digo falsas porque conheço quem já tentou adquirir o convite por meio do comércio virtual e recebeu spam como produto.

É um caso complicado. Mas também não chega a ser o maior problema cibernético no momento. Mas nesse, a única forma de conseguir é através dos amigos, desconhecidos, colegas, sabe-se lá qual o status você define…

No momento eu vivo da esperança de receber algum também.  Não que me sinta excluído digitalmente, nem menos importante e lembrado pelos amigos. Isso não. E apesar desse desabafo, há coisas primordiais para eu me preocupar.

Agora, caso alguém queira me enviar um convite…

Hehehehe

Anúncios

~ por automidia em 11/15/2009.

7 Respostas to “Abaixo o Alpartheid do Orkut”

  1. HAHAHA , eu estou vendendo queres comprA?
    15 reais :DDDD
    OKAOSKPSKAKSKAOSKASKAS , besta \õ_ 😀

  2. Metesse o pau e queres um convite tb.Que texto hipócrita!

  3. Tudo isso é pq não recebeste ainda o convite neh?
    hahahaha

  4. Agora não precisa mais!
    Já recebi!
    Hehehehe

  5. HaHa. Muito bom texto, concordo em tudo. Mas logo todo mundo terá essa ” problemática “, logo deixará de ser novidade. Enquanto isso, eu espero um convite também. MUito bom o blog.
    Abraço

  6. porra…
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    ” agora se ver de cara com um novo tipo de divisão. Os que têm e os que não possuem o Novo Orkut.” […]
    “onde todo mundo possui um perfil no Orkut, de empresário executivo a pets…”

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    soh tu mermo visse manel..

    eu quero saber eh quando chegam os convites pra enviar pros amigos… ¬¬

  7. Novo Orkut ?

    carros tuning
    tuning-rio.blogspot.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: